Banco de Horas do Zaffari é julgado irregular

Justiça do Trabalho julgou irregular banco de horas adotado pelo Zaffari, condenando-o ao pagamento de horas extras.

Ex-funcionária do Zaffari ingressou com ação junto à Justiça do Trabalho de Porto Alegre, postulando condenação da Empresa ao pagamento de horas extras decorrentes da irregularidade do regime compensatório adotado.

A Justiça do Trabalho em sede de Recurso reconheceu a invalidade do regime, condenando a Empresa Zaffari ao pagamento de horas extras com adicional de 50% e 100%.

A decisão do Tribunal argumentou, dentre outros fundamentos, que os cartões-ponto não apresentam controle das horas creditadas e debitadas, impossibilitando assim a administração do banco de horas por parte dos funcionários.

A decisão da Justiça do Trabalho não é mais passível de Recurso

Teiga Advogados, lutando por Você!